sexta-feira, 27 de julho de 2007

Com vitórias, ocupação da USP termina


Para estudantes, o desafio, agora, é "como continuar a luta, como não deixar o movimento cair"



50 dias. Esse foi o tempo necessário para que a direção da Universidade de São Paulo cedesse e atendesse a algumas das reivindicações dos estudantes, que ocupavam a reitoria desde o dia 3 de maio. Durante toda esta semana, a reitora Suely Vilela reiterou diversas vezes que não atenderia nenhuma reivindicação enquanto o prédio não fosse desocupado. Na quinta-feira (21), porém, voltou atrás e, por meio de uma carta, aceitou as condicionantes propostas pelos estudantes no dia 12. Eram elas: não punição de participantes da ocupação e da greve, audiência pública para discutir o Programa de Inclusão Social da USP (Inclusp) e reconhecimento da legitimidade do 5º Congresso Geral da USP, a ser realizado em 2008. Nesse fórum, será discutida a elaboração de um novo estatuto para a Universidade.

Outro ponto importante é a manutenção da contra-proposta da reitora feita em 8 de maio. Dentre elas, a construção de moradias estudantis que garantam mais 334 vagas (198 no campus Butantã, 68 em Ribeirão Preto e 68 vagas em São Carlos). Os alunos exigiam, inicialmente, 594 moradias. R$ 500 mil serão destinados para reformas nas atuais moradias. O termo de compromisso da reitoria ainda garante café da manhã e alimentação aos domingos, circulação dos ônibus internos do campus nos fins de semana e a realização de um debate sobre um novo prazo de jubilamento.

De acordo com João Victor Pavesi, estudante de Geografia, os pontos mais incertos foram os da reforma de prédios e a contratação de novos docentes. Em ambos os casos, os assuntos deverão ser primeiramente discutidos em cada unidade para depois a reitoria acatar as propostas. O documento foi apresentado aos alunos por uma comissão formada por cinco docentes, chamados pela própria reitoria para intermediar as negociações. Formavam o grupo os professores István Jancsó (Instituto de Estudos Brasileiros - IEB), Francisco de Oliveira (Ciências Sociais), João Adolfo Hansen (Letras), Paulo Arantes (Filosofia) e oLuis Renato Martins (Escola de Comunicação e Artes - ECA).

Outro avanço foi a publicação de um decreto declaratório por parte do Governo estadual, dia 31 (ler matéria aqui).


Avaliação

Para a grande maioria dos estudantes e funcionários que participaram da ocupação, as vitórias não se limitam apenas às reivindicações atendidas. Os 50 dias divididos entre reuniões, plenárias, assembléias e debates foram uma experiência inusitada. "Entramos em contato com estudantes de outros cursos, de campus do interior, foi um espaço único de vivência que oxigenou a universidade", opina João Victor Pavesi.

O estudante afirma que as conquistas estão longe de serem suficientes, já que, dado o avanço no processo de sucateamento da universidade pública, as reivindicações se acumulam e, por isso, a luta deve continuar. "Hoje, na ocupação, as pessoas estão limpando e recolhendo tudo e há um certo clima de melancolia e reflexão porque a questão agora é como continuar a luta, como não deixar o movimento cair

Nenhum comentário:

MATERIAS PUBLICADAS

universidade livre

universidade livre

Mural da cultura da ocupaçao

Mural da cultura da ocupaçao

Arquivo (((Ocupa)))

Arquivo  (((Ocupa)))
Leia mais

Mural da cultura da ocupaçao

Mural da cultura da ocupaçao

usp unesp fatec e unicamp na L.uta Professor Funcionario e Estudante

usp unesp fatec  e  unicamp na L.uta Professor  Funcionario e  Estudante
Todos a Luta por uma Universidade publica e de qualidade

amanha vai ser maior

amanha  vai  ser  maior

moção de apoio

moção  de  apoio

assembleia geral dos estudantes

assembleia geral dos  estudantes
Enfrente a Reitoria ocupada

Universidade livre

Universidade  livre
auntonomia

moção de apoio

moção  de  apoio

todos por uma universidade livre

todos por  uma universidade  livre

universidade de são paulo

universidade de são paulo
((((((( usp )))))))))

assembleia geral dos estudantes

assembleia geral  dos  estudantes
dentro da Reitoria . deciden a ocupaçao

!!!!!!!!!!!!!!!!!autonomia já!!!!!!!!!!!!!!!!!!

!!!!!!!!!!!!!!!!!autonomia já!!!!!!!!!!!!!!!!!!
fora os decretos

Mural da cultura da ocupçao

Mural da  cultura  da  ocupçao

Charge De Felipe Rios

Charge De Felipe Rios

fora os decretos

fora  os decretos

Todos a Luta

Todos  a  Luta

!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!(((ocupa)))!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!(((ocupa)))!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
(((((((((((((((OcUpA)))))))))))))

assembleia geral dos estudantes

assembleia  geral  dos  estudantes
enfrente da Reitoria

Assembleia dos Estudantes

Assembleia dos  Estudantes
Dentro da Reitoria Deciden a ocupçao

na charge de Flipe Rios

na  charge de  Flipe Rios

Mural da cultura da ocupaçao

Mural da cultura da ocupaçao

fora decretos

fora  decretos